segunda-feira, 31 de outubro de 2016

Policiais militares do 60º pelotão de Medicilândia são acionados durante manifestação na BR230 Medicilândia/Uruará.

Já passavam das 9:45 da manhã desta segunda feira(31) quando uma equipe composta por policiais militares de Medicilândia foi acionada para registrar um bloqueio na  Rodovia Federal BR230 nos trechos entre Medicilandia e UIruará.

A guarnição formada pelo 2º SGTº PM Benedito,CB Caxiado e soldado F. Costa se deslocaram para o local que estava sendo obstruído por um grupo de índios. O fato aconteceu na altura do km 130 na transamazônica. A polícia militar de posse de informações e constatando a veracidade do acontecimento buscou imediatamente contatar os caciques Tatji e Turu, segundo informações eles são representantes da tribo dos araras. 

A PM foi informada ainda que tal bloqueio da BR tinha como principal objetivo chamar atenção do DENIT e da FUNAI para os problemas hoje enfrentados pelos indígenas na região, tais como: Falta de manutenção das estradas existentes e/ou a inexistência de outras, impossibilitando os indígenas a chegarem em suas aldeias.  

O sargento Benedito da PM do 60º batalhão de polícia militar de Medicilândia foi comunicado pelas lideranças indígenas que a partir de amanhã (01/11) se eles não obtiverem respostas das autoridades, vão bloquear totalmente a rodovia, evitando inclusive a passagem de qualquer veículo.  Os índios ainda aguardam reforço de mais indígenas que devem chegar ao local do protesto de micro-ônibus.

Repórter: Sidalécio Souza com informações do  2° PM SGT BENEDITO. Aux. de Seção ..

segunda-feira, 17 de outubro de 2016

Morre Pe. Frederico da prelazia do Xingu em Altamira


Faleceu na madrugada desta segunda-feira (17), Padre Frederico, que era Missionário na Prelazia do Xingu.
Pe. Frederico Tshol tinha 87 anos de vida e 60 de sacerdote e por muitos anos dedicou-se a cidade de Altamira e outros municípios como Porto de Moz e Medicilândia onde também foi pároco, dividindo seu tempo entre os dois municípios por alguns anos na década de 90.
Em Altamira, por muitos anos foi Vigário Geral da Catedral e esteve a frente de vários trabalhos “Samaritanos”, sendo também responsável pela criação de vários Bairros e igrejas. Desde os tempos do Bispo Dom Eurico Krautler (antecessor de Dom Erwin) já era Vigário Geral da Prelazia (segunda pessoa depois do Bispo), ficando no cargo até o ano de 2009.
O velório acontece hoje, na Paróquia do Perpétuo Socorro, na Avenida Djalma Dutra, em Altamira. O enterro será amanhã, às 16h, no Cemitério Central – São João Batista.
Com informações do site da Prelazia do Xingu.

segunda-feira, 10 de outubro de 2016

ASSALTANTES MORREM EM TROCA DE TIROS COM A POLÍCIA EM BRASIL NOVO

Os quatro mortos pela polícia na tarde desta quinta-feira em 
Brasil Novo, são acusados de assaltar uma loja de celulares no centro da cidade.
O assalto à loja de celulares que fica localizada no centro da cidade de Brasil Novo, aconteceu por
volta do meio dia conforme informações repassadas pelo proprietário. No memento da abordagem a rua estava sem movimento e apenas a Esposa do proprietário, uma funcionária e um cliente, que teve seu notebook levado pelo bando, estavam no interior da loja. Toda a ação foi registrada pelas câmeras de segurança do estabelecimento comercial.
Após o assalto a Polícia foi informada e começou a realizar buscas pelas redondeza e de posse de informações, começou a perseguição dos mesmo que fugiram, inicialmente de moto. Um comparsa dos badidos aguardava os mesmos em um carro de Passeio de cor Branca com Placa de Anápolis - Go.
De acordo com as informações colhidas por nossa redação, os indivíduos se evadiram em fuga pelas estradas vicinais e já no final da tarde, foram surpreendidos pela guarnição da Polícia Militar de Brasil Novo, já na comunidade camurim, há mais de 30 km do centro urbano. 
Ao se depararem de frente com a viatura, os acusados teriam disparado contra os policias acertando pelo menos três disparos na viatura. Os PMs então revidaram e na troca de tiros alvejaram os quatro acusados que foram encaminhados ao Hospital Municipal Maria José Biancardi em Brasil Novo pelos próprios policiais mais não resistiram aos ferimentos e morreram logo em seguida.
Ainda de acordo com as informações, os quatro são maiores de idade e nenhum residia em Brasil Novo e um deles é suspeito de integrar uma quadrilha de assaltantes do Estado de Goiás. Também foi informado que um dos assaltantes mortos tinha mais de 15 passagem por homicídios assalto em Altamira.
"A polícia deu a resposta que a sociedade espera contra bandidos que aterrorizam nossa cidade e que nos fazem refém do medo todos os dias" - comentou um popular que acompanhava o andamento e o desenrolar do caso.
Uma multidão se formou no portão do Hospital, mas foram impedidos de ver os corpos. Com os acusados, a polícia encontrou a arma utilizada no assalto e os objetos roubados na loja.
As identidades dos acusados ainda não foram divulgadas.
Por: Valdemídio Silva

terça-feira, 4 de outubro de 2016

MP interdita matadouro em Porto de Moz

Uma fiscalização realizada na semana passada visitou o matadouro da cidade de Porto de Moz, no Pará. A vistoria foi realizada pela promotora de Justiça do município, Juliana Felix, em parceria com as técnicas do Grupo de Apoio Técnico Interdisciplinar (Gati) do MPPA, Diana Braga e Maria do Carmo Farias, além de uma equipe de policiais de civis.
Na vistoria no matadouro da cidade a equipe encontrou o local em péssimas condições de higiene. O espaço foi interditado por ausência de condições higiênico sanitárias, ausência de registro nos órgãos de fiscalização, além de causar danos ambientais uma vez que todos os dejetos eram despejados no meio ambiente sem nenhum tratamento. As vísceras dos animais eram tratadas no rio, fazendo uso de cal. O local foi construído sem obedecer qualquer legislação sanitária, ambiental e os equipamentos e utensílios usados são inadequados para o abate de animais.
Segundo a promotora Juliana Felix, a negligência interfere diretamente na qualidade das carnes, levando-as à deterioração e tornando-as suspeitas ou nocivas à saúde do consumidor. “Os animais mortos e as carcaças condenadas são despejados no meio ambiente sem tratamento prévio. Todas as partes condenadas pela inspeção sanitária são consideradas de alto risco e devem ser processadas em graxarias inspecionadas e autorizadas, para garantia dos processos que levam à esterilização destes materiais”, lamentou a promotora. As informações são do Ministério Público do Pará.
Oxingu.com

VAMOS AJUDAR DONA ANA CÉLIA CADEIRANTE DE MEDICILÂNDIA.


Uma dona de casa de Medicilândia a 90 km de Altamira esta precisando da ajuda de todos da região transamazônica e Xingu. Dona Ana Célia é cadeirante e necessita de ajuda da população para comprar uma cadeira adaptada. Devido alto valor da cadeira cerca de R$3.940,00 a senhora está vendendo uma rifa de um relógio,o valor da rifa é R$5,00 o prêmio(relógio) esta avaliado em R$920,00.

Para ajudar a dona Ana Célia é muito fácil basta comprar a rifa,faça agora mesmo o seu contato com ela e veja de que forma você pode contribuir com essa boa causa. Muitas vezes gastamos dinheiro com besteira,que tal ajudarmos ela? Se você mora em Altamira fale comigo 991260769 se preferir fale com dona Ana Célia em  Medicilândia  99245-8852.

Repórter Sidalécio Souza